Domingos Nunes

Nascido em 1950 em Marabá, Domingos é artesão, pintor e desenhista autodidata, nestes últimos, trabalha sobretudo com o nanquim e a pintura óleo. Suas obras retratam aspectos dos ciclos econômicos desenvolvidos em Marabá. Ambientada nas paisagens da Amazônia, o artista apresenta suas memórias no cotidiano de castanheiros, seringueiros, garimpeiros entre outros personagens que aqui buscavam riquezas.

Nunes é uma das referências no Nanquim Amazônico, uma tendência na cultura visual da cidade de Marabá. Suas obras já foram expostas por diversas cidades do Estado do Pará e em Berlim, numa coletiva de marabaenses na Alemanha.