O FOLCLORE MARABAENSE EM FOCO NA PROGRAMAÇÃO DA GALERIA VB.




Neste final de janeiro, a Galeria de Arte Vitória Barros conta com uma programação especial. No dia 26 deste mês, às 20h, o jardim da GAVB será palco da live de lançamento do EP Lendas, do projeto de música instrumental Pirucaba Jazz. Na oportunidade também será lançada a exposição O Fantástico Carajás, do artista visual Bino Sousa, que terá visitação até dia 26 de fevereiro.



O encontro entre as duas linguagens aconteceu em 2015, quando o grupo Pirucaba recebeu o prêmio Proex de Cultura da Unifesspa pela gravação do referido EP, em que nasceram as composições de títulos como Boiúna, Pé-de-garrafa, Lá no Pirucaba, Porca de Bobes e Matinta Pereira; na época, Bino Sousa já havia iniciado sua inserção poética entorno do grafite e arte urbana com a pesquisa Hibridismo, da qual produziu uma série de personagens do imaginário folclórico marabaense que figuravam sobre tons fluorescentes e brilhantes, numa expressividade contemporânea das antigas histórias. Os músicos então convidaram Bino para ilustrar a capa do futuro álbum.


É forte nos artistas locais o interesse pela reativação e valorização constante das raízes e memórias fantásticas marabaense. A própria série de lendas por Bino realizada foi cenário para diversos eventos na cidade, dos famosos Saraus de poesia à feiras de ciências em escolas de ensino básico. Das sete telas, duas fazem parte do acervo da Fundação Casa da Cultura e outras cinco do acervo do Instituto de Arte Vitória Barros.


Não diferente é a disposição do Pirucaba Jazz. O grupo formado pelos músicos Itair Rodrigues, Waldemar Guedes Jr. e Walkimar Guedes tem o nome em homenagem a um ponto conhecido entre os antigos da cidade, às margens do rio Itacaiúnas. O lançamento do EP, que foi aprovado no prêmio de Música da Secult/Pará através da lei Aldir Blanc – recurso federal liberado para manter e injetar na economia da cultura no período emergencial –, as composições instrumentais tiveram o desejo “de expandir os demais ritmos da música regional nortista para outras regiões, unindo-se à cultura folclórica local. Os ritmos adotados pelo grupo são o Carimbó, o Lundum, a Guitarrada, a Cúmbia Nortista, o Zouk, Marabaixo, Retumbão e o Samba de Cacete com uma pitada de ‘jazz’, ‘pop’, ‘salsa’ e ‘fusion’, por exemplo.”


A programação do evento irá contar com duas outras lives em fevereiro, na qual o Pirucaba Jazz conversará com o público sobre os processos criativos e prática de conjunto. Nela o grupo abordará os caminhos e conceitos utilizados para a construção das composições do EP Lendas; noutra live, teremos a presença de Gabriela Silva, do canal no Youtube de contação de história, Conta Gabi, mediando uma conversa com artistas sobre lendas e costumes populares nas artes.

A programação abre a nova temporada de eventos online da Galeria, que atualiza suas ações para atender o seu público diante da crise mundial do Corona vírus. Após dez meses de portas cerradas e com demandas correntes a instituição busca novas meios de interação e socialização com a comunidade. A exposição ficará aberta para visitação a partir do dia 27 de janeiro, com funcionamento de 9h às 12h e de 14h às 18h, lembrando a todos que os agendamentos de grupos de visita estão suspensos por tempo indeterminado, sendo aconselhado no máximo três pessoas em visitas coletivas.


Natacha Barros

Comunicação e curadoria IAVB